Com recém completados 23 anos de idade Marília Mendonça era, até então, a compositora mais concorrida do mercado sertanejo. Agora, acumula mais um título; o de cantora mais concorrida. No final de 2015 ela lançou seu primeiro DVD sem grande pretensões, mas em seu primeiro show em Goiânia tomou um susto: os ingressos esgotaram uma semana antes da apresentação. Ela mal sabia o que faria no palco, mas algumas coisas são, de verdade, instintivas! Marília ganhou Goiânia, Brasília e foi desbravando cada cantinho, até chegar no nordeste onde virou rainha da sofrência!!Hoje superou artistas como Adele em visualizações no YouTube Brasil, Marília também é a primeira artista brasileira a atingir a marca de 4 BILHÕES de visualizações em seu canal oficial de vídeo em menos de três anos.

Seu primeiro DVD foi gravado em 2015 em uma sala do estúdio de Eduardo Pepato, com aproximadamente 40 m e para 30 pessoas envolvendo equipe, compositores amigos. Em 2016, a gravação do segundo DVD aconteceu no Sambódromo de Manaus/AM, para mais de 40 mil pessoas.O registro, que também foi lançado em CD, foi indicado ao Grammy Latino 2017 na categoria “Melhor Álbum da Música Sertaneja”.

Recentemente tem feito lançamentos avulsos com vídeos para seu canal.  Lançou para o projeto “Agora É Que São Elas”, três faixas inéditas: “Estranho”, “Ausência”, “Parece Namoro” e “Coração Mal Assombrado”. Além disso, Marília aparece entre as musicas mais tocadas do país com “Transplante”, em parceria com a dupla Bruno & Marrone.

Sua agenda é uma das mais concorridas, seus números espantam, seu público é fiel, já chegou a fazer show para 90 mil pessoas. Como ela lida com isso? De forma mais natural possível. Continua menina, andando nas ruas livremente, brincando com a equipe e agradecendo por cada momento vivido. Recentemente, não conteve a emoção diante de mais de 30 mil pessoas embaixo de uma chuva torrencial para vê-la no palco. Menina sim, claro! Mulher, com certeza! Talentosa, isso veio impresso em seu DNA de Marília Mendonça.

Natural de Goiânia o presente de 15 anos de Marília foi bem diferente do habitual: Conhecer pessoalmente João Neto e Frederico, que acabaram gravando “Crime Perfeito”, composta por ela, neste mesmo ano assinou seu contrato com a WorkShow. Toda cheia de personalidade chegou dizendo: “Quero cantar!”.  Não foi fácil para Wander Oliveira mostrar para Marília que ela deveria entender primeiro do mercado para depois se lançar como cantora. “Ela precisava ganhar maturidade porque talento nunca lhe faltou”, diz o empresário.

Notícias

Imagens